Moscas Mortas Revolution – Página Inicial

Wolf at the Door

Posted in Música by leonardomeimes on 22/03/2013

Será um pai preocupado com a segurança de seus filhos?

Ou apenas um alguém com consciência de sua insegurança?

A Wolf At The Door

Drag him out your window
Dragging out the dead
Singing “I miss you”
Snakes and ladders
Flip the lid
Out pops the cracker
Snaps you in the head
Knifes you in the neck
Kicks you in the teeth
Steel toe caps
Takes all your credit cards
Get up, get the gunge
Get the eggs
Get the flan in the face
The flan in the face
The flan in the face
Dance you fucker, dance you fucker
Don’t you dare
Don’t you dare
Don’t you flan in the face
Take it with the love is given
Take it with a pinch of salt
Take it to the taxman
Let me back let me back
I promise to be good
Don’t look in the mirror
At the face you don’t recognize
Help me call the doctor
Put me inside
Put me inside
Put me inside
Put me inside
Put me inside

I keep the wolf from the door
But he calls me up
Calls me on the phone
Tells me all the ways that he’s gonna mess me up
Steal all my children
If I don’t pay the ransom
But I’ll never see ‘em again
If I squeal to the cops

No, no, no…
Walking like giant cranes
Ah, with my X-ray eyes I strip her naked
In a tight little world, why are you on the list?
Stepford wives, who are we to complain?
Investments and dealers, investments and dealers
Cold wives and mistresses
Cold wives and sunday papers
City boys in first class
Don’t know we’re born little
Someone else is going to come and clean it up
Born and raised for the job
Someone always does, always pick it up
Get over, get up, get over
Turn the tape off

I keep the wolf from the door
But he calls me up
Calls me on the phone
Tells me all the ways that he’s gonna mess me up
Steal all my children
If I don’t pay the ransom
And I’ll never see ‘em again
If I squeal to the cops

So I’m just gonna…

Um Lobo Na Porta

Jogue-o pela sua janela
Arrastando os mortos
Cantando “sinto sua falta”
Cobras e escadas
Tire a tampa
Os fogos de artifícios estouram
Te bate na cabeça
Te esfaqueia no pescoço
Te chuta nos dentes
Bico de ferro
Pega todos seus cartões de crédito
Levante-se, pegue a meleca
Pegue os ovos
Taque o pudim na cara
O pudim na cara
O pudim na cara
Dance seu porra dance seu porra
Não se atreva
Não se atreva
Não taque o pudim na cara
Receba com o amor dado
Receba com uma pitada de sal
Leve ao cobrador de impostos
Deixe-me voltar deixe-me voltar
Prometo ser bonzinho
Não olhe no espelho
Para o rosto que você não reconhece
Ajude-me, chame o médico
Coloque-me pra dentro
Coloque-me pra dentro
Coloque-me pra dentro
Coloque-me pra dentro
Coloque-me pra dentro

Eu mantenho o lobo de fora da porta
Mas ele me chama
Me chama no telefone
Me fala todas as maneiras que ele vai me ferrar
Roubar todas minhas crianças
Se eu não pago o resgate
Mas eu nunca mais os verei
Se eu o delatar aos policiais

Não {70X}
Andando como guindastes gigantes
Ah, com meus olhos de raio X eu a vejo nua
Num mundo pequeno e apertado, por que você está na lista?
Esposas obedientes quem somos nós para reclamar?
Investimentos e negociantes investimentos e negociantes
Esposas frias e amantes
Esposas frias e jornais de domingo
Garotos da cidade na primeira classe
Não sabem que nascemos pequenos
Alguém vai vir e limpar tudo
Nascidos e criados para o trabalho
Que alguém sempre faz, sempre vence
Restabeleça-se, levante-se, restabeleça-se
Desligue o gravador

Eu mantenho o lobo de fora da porta
Mas ele me chama
Me chama no telefone
Me fala todas as maneiras que ele vai me ferrar
Roubar todas minhas crianças
Se eu não pago o resgate
Mas eu nunca mais os verei
Se eu o delatar aos policiais

Então eu só vou…

Anúncios
Tagged with:

Climbing up the Walls

Posted in Música by leonardomeimes on 22/03/2013

Climbing Up The Walls

I am the key to the lock in your house
That keeps your toys in the basement
And if you get too far inside
You’ll only see my reflection
It’s always best when the light is off
I am the pick in the ice
Do not cry out or hit the alarm
You know we’re friends ‘til we die

And either way you turn
I’ll be there
Open up your skull
I’ll be there
Climbing up the walls

It’s always best when the light is off
It’s always better on the outside
Fifteen blows to the back of your head
Fifteen blows to your mind
So lock the kids up safe tonight
Shut the eyes in the cupboard
I got the smell of a local man
Who’s got the loneliest feeling

That either way he turns
I’ll be there
Open up your skull
I’ll be there
Climbing up the walls
Climbing up the walls
Climbing up the walls

Subindo Pelas Paredes

Sou a chave da fechadura em sua casa
Que mantém seus brinquedos no porão
E se você for muito adentro
Você apenas verá meu reflexo
Eu sou sua face quando ela dorme esta noite
Eu sou a escolha no gelo
Não grite nem toque o alarme
Somos amigos até a morte

E qualquer caminho que você tome
Eu estarei alí
Abrindo seu crânio
Eu estarei alí
Subindo pelas paredes

É sempre melhor quando as luzes não estão acesas
É sempre melhor do lado de fora
Quinze golpes por detrás de minha cabeça
Quinze golpes à tua mente
Portanto tranque as crianças a salvo esta noite
E cerre os olhos no armário
Não grite nem toque o alarme
Você se sentirá o mais solitário

E qualquer caminho que você tome
Eu estarei alí
Abrindo seu crânio
Eu estarei alí
Subindo pelas paredes
Subindo pelas paredes
Subindo pelas paredes

Tagged with:

Don’t Give up the Ghost

Posted in Música by leonardomeimes on 26/04/2011

Do novo CD, King of the Limbs…

Don’t hurt me (repeat)
Gather up the lust in your soul
Into your arms, into your arms
Gather up the painful
Into your arms, into your arms

What seems impossible
Into your arms, into your arms

I think I have had my fill
Into your arms, into your arms

I’ve been told to give up the ghost
Into your arms, into your arms

RADIOHEAD – Codex

Posted in Música by leonardomeimes on 26/04/2011

Do CD novo, King of the Limbs…

Slight of hand
Jump off the end
Into a clear lake
No one around
Just dragonflies
Flying to the side
No one gets hurt
You’ve done nothing wrong
Slide your hand
Jump off the end
The water’s clear
And innocent
The water’s clear
And innocent

Tradução Letrasmus:

Passe de mágica
Salte no final
Num lago límpido
Ninguém por perto
Só libélulas
Voando pelas margens
Ninguém se fere
Você não fez nada errado
Deslize suas mãos
Salte no final
As águas são límpidas
E inocentes
As águas são límpidas
E inocentes

Strokes, e bandas necessárias para os moderninhos perdidos…

Posted in Música by leonardomeimes on 16/02/2011

O novo CD do Strokes  (ANGLES) está pra chegar, e provavelmente será um disco muito festejado pelos fãs moderninhos e jovens que já devem estar cansados de dançar as mesmas músicas over and over nas baladinhas “alternativas”.

Muita gente aclamará o CD e a Banda como a salvação do rock’n roll, outros dirão que é o melhor CD de 2011, provavelmente a banda ganhará alguns prêmios… porém o fato é que essa banda se esconde por trás das melodias grudentas dos solinhos de guitarra e dos vocais adolescentes de Casablancas, vai dizer que não parece um adolescente reclamando com a mãe que não pode ir pro shopping com os amigos?

Apesar de ser uma banda, friamente analisando, com músicas simples e pouco técnicas (vide o solo de arder nos ouvidos do começo da música a baixo) o Strokes tem algumas músicas que realmente são muito legais, e acho que no fim é isso que importa…

Mãs, esperem só para ver o que o RADIOHEAD nos guarda, provavelmente mais um disco com duas músicas mais POP (e não menos fantásticas) e mais oito músicas brilhantemente foderosas que ninguém ouvirá pois não tocará no rádio, que será provavelmente um dos melhores discos de rock do ano e acabará ofuscado pelo marketing que a imprensa dará a bandas menos importantes.

(pq eu estou tão ácido hoje?)

 

Aqui algumas bandas que os moderninhos deveriam se inspirar para fazer música “alternativa”, rock’n roll, sem apelar para ritmos dançantes e que não são muito ouvidas mais =) (na minha opinião):

 

Echo and The Bunnymen

Jesus and Mary Chain

Bauhaus

Sisters of Mercy

 

 

Leonardo Meimes

 

Novo CD do Radiohead

Posted in Música by leonardomeimes on 15/02/2011
http://whiplash.net/materias/news_854/124440-radiohead.html
Imagem

Nesta segunda-feira (14), o RADIOHEAD anunciou, em seu site oficial, o título do seu novo álbum, a arte gráfica e a data de lançamento do trabalho. A informação é da Rolling Stone Brasil.

 

O disco foi intitulado como “The King of Limbs” e estará disponível digitalmente a partir do próximo sábado (19). Já o álbum físico chegará às lojas em maio. A banda chama o novo trabalho como “o primeiro álbum de jornal”. O disco acompanhará dois vinis de dez polegadas, um CD e senha para download de mp3, além de diversas folhas de arte e embalagens para guardar tudo. Tudo isso sai por US$ 48 (aproximadamente R$ 80). “The King of Limbs” é o oitavo disco do RADIOHEAD.

 

Leonardo Meimes

Tagged with:

Radiohead de novo =)

Posted in Música by leonardomeimes on 08/12/2010

As músicas que eu gosto do Radiohead nunca acabam, ^^

Essas primeiras são sobre erros que vc comete e que só lhe prejudicam…

Just

You do it to yourself, you do
And that’s what really hurts
Is that you do it to yourself
Just you and no one else

 

High and Dry

Oh, it’s the best thing that you’ve ever had
The best thing that you’ve ever, ever had
It’s the best thing that you’ve ever had
The best thing you’ve had has gone away

 

Street Spirit

Immerse your soul in love
IMMERSE YOUR SOUL IN LOVE

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Tagged with:

House of Cards – RADIOHEAD

Posted in Música by leonardomeimes on 03/12/2010

 

I don’t wanna be your friend
I just wanna be your lover
No matter how it ends
No matter how it starts

 

 

Tagged with: ,

In Rainbows completo, live in the Basement

Posted in Música by leonardomeimes on 02/12/2010
Tagged with: ,

Radiohead

Posted in Música by leonardomeimes on 30/11/2010

A banda de rock da vez, une qualidade com um som que vai do rock ao eletrônico…

Aqui estão  minhas músicas preferidas…

 

Tagged with: