Moscas Mortas Revolution – Página Inicial

Virada cultural, uma virada curitibana

Posted in Música by leonardomeimes on 08/11/2010

Curitiba é uma cidade em que o centro dorme cedo… até mesmo em finais de semana e feriados. Moro há alguns anos no centro de Curitiba e percebo que atualmente é difícil encontrar um lugar cheio após a meia noite. No largo da ordem as sextas e sábados estão acabando cedo também, a meia noite já há lugares com muitas mesas vazias.

Porque será que o Curitibano não sai? ou se sai vai aos bairros ou shoppings?

Será porque a cena artística e musical da cidade está enfraquecida?

Acho que sim. A prova foi a virada cultural, nela até as 3 ou 4 horas da manhã havia uma multidão no largo da ordem, nas ruas do centro muitas pessoas caminhavam e transitavam, esse tipo de movimento que é preciso ter nos outros dias, isso previne a criminalidade, pois ruas movimentadas são mais seguras, e ajuda a movimentar o mundo cultural curitibano.

Para isso acontecer a TV e as rádios tem que começar a prestigiar a nossa arte e música, temos shows e bares com músicos de muita qualidade, apenas não temos o público que lhes prestigie. Os bares do centro deveriam ter música, apenas dois ou três tem música! Festivais não são caros de fazer, é só divulgar pela internet e aproveitar os espaços das praças, como a praça da espanha, os palcos de universidades e pátios, como a concha acústica da PUC e o pátio da reitoria! há também os DCEs das universidades, é só imaginar e convidar algumas bandas =)

Essa virada foi boa  para mostrar que público existe, apenas não existem programas interessantes. Vamos ver se ela incita as pessoas que participaram a vir mais para o centro movimentar nossa noite.

 

Leonardo Meimes

Anúncios
Tagged with: ,

2 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Anônimo said, on 08/11/2010 at 15:51

    Por que é perigoso?

    • leonardomeimes said, on 08/11/2010 at 16:55

      O centro é muito perigoso porque não há pesoas andando por ele a noite… então fica fácil de roubar e fugir sem ser visto ou pego. Quanto tem bastante gente não ocorre tanto assalto. Não precisa ficar anônimo =)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: