Moscas Mortas Revolution – Página Inicial

Transgênicos: uma ameaça (p.5)

Posted in Uncategorized by leonardomeimes on 01/09/2009

No Brasil a CTNbio é o órgão responsável pelas aprovações de GMOs, só que também está sendo acusada de convalescer com as indústrias. “A CTNbio está constituída por pessoas com título de doutorado, a maioria especialistas em biotecnologia e interessados diretamente no seu desenvolvimento. Há poucos especialistas em biossegurança, capazes de avaliar riscos para a saúde e para o meio ambiente” disse a Dra. Lia Giraldo da Silva Augusto, em uma carta ao Ministro da Ciência e Tecnologia e a Ministra do Meio Ambiente. A CTNbio tem tido uma atitude “pró-GM” dês do momento que ela foi criada. Os cientistas da CTNbio estão também envolvidos no desenvolvimento destas tecnologias, portanto tem interesse que os produtos sejam aprovados, o que é comum de se acontecer.TRANSGNICO_fotomontagem_FUNVERDE

Tanto no Brasil como no resto do mundo a indústria de biotecnia está empenhada em boicotar os estudos que podem apontar qualquer efeito adverso de seus produtos, pesquisas são paradas com estratégias diversas. Existem empresas especializadas que trabalham para a indústria somente com o objetivo de desqualificar eventuais estudos que possam ferir a integridade das suposições falsas da indústria. Por exemplo, um estudo do cientista mexicano Ignácio Chapela foi declarado na mídia como “tendo falhas fundamentais”[1], antes mesmo de ser publicado. Ao procurar a fonte da notícia, descobriu-se que ela vinha da Bivings Group, uma firma de Washington especializada em subterfúgios pela Internet e que tem ligações com a indústria de biotecnia. Além disto Ignácio foi ameaçado pessoalmente pelo Dr. Fernando Ortiz Monastério, diretor da comissão de biossegurança do México, que disse “você não nos deterá – ninguém nos deterá!”9.transgenico

Outros meios são usados para parar os estudos, cientistas podem ser demitidos ou retirados de seu cargo, como aconteceu com uma cientista turca que perdeu seu financiamento, seu posto em sua universidade e foi impedida de continuar trabalhando.[2] Outra estratégia é negar o acesso dos cientistas as sementes GM, isto aconteceu, por exemplo, com um time liderado por Allison Snow da Universidade de Ohio e “a Nature identificou pelo menos um outro caso recente no qual um geneticista de plantas de uma universidade americana líder em pesquisa, que queria fazer um estudo revolucionário do milho mexicano, teve seu acesso ao material transgênico negado por duas companhias.”[3]transgenicos

A regulação acaba tendo como característica as múltiplas falhas, boicotes e falta de financiamento. William Freese disse sobre isso: “‘Não procure não descubra’, é uma estratégia comum em ambos os círculos, regulatório e industrial”.[4]

Leonardo Meimes


[1] John Ross, “The Sad Saga of Ignácio Chapela,” Anderson Valley Advertiser, 18 de fevereirode 2004.

 

[2] Michael Kuser, “Tests reveal the presence of GM tomatoes in Turkey,” Turkish Daily News, 26 de maio de 2005, http://www.turkishdailynews.com.br.tr/article.php?enewsid=14143

[3] Rex Dalton, “Superweed study falters as seed firms deny acess to transgene,” 655.

[4] Willian Freese, “Genetically engineered Crop Health Impacts Evaluation: A Critique of U.S Regulation of Genetically Engineered Crops and Corporate Teting Practices, with a Case Study of Bt corn.”

2 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Jacques said, on 08/03/2010 at 18:50

    Estava escrevendo um post sobre transgênicos e encontrei seu blog, que é bem parecido com o que eu colaboro.
    Acho que simplesmente não temos como saber a quantidade de alimentos gm que vão parar na noissa mesa, e temos que conviver com isso.
    Tem um ditado chinês que diz que quando o dinheiro fala, a verdade cala, e é isso o que tem ocorrido em relação aos transgênicos.
    Resumindo: estamos no mato sem cachorro, sem celular, sem gps, e as árvores ao nosso redor estão se movendo de uma maneira estranha…
    Apareça no blog.
    Até mais.

    • leonardomeimes said, on 15/03/2010 at 10:38

      Vá em frente e ajude a divulgar esses absurdos =) Entre no site sobre alimentos transgênicos e pesticidas que está nos meus links, é muito interessante.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: