Moscas Mortas Revolution – Página Inicial

Clipes mais assustadores segundo a Bilboard

Posted in Música by leonardomeimes on 04/11/2010

A resvista Bilboard fez uma pequena lista com os clipes que mais assustaram as audiencias durante a história dos video-clipes. Acompanhe na matéria abaixo.

“Sweet Dreams” (1999)

Marilyn Manson


Nós todos sabemos que o rockeiro-showman Marilyn Manson tem uma atração pelo demoníaco. Mas quando ele entrou em uma fantasia de bailarina (se cortou inteiro, cavalgou um porco e teve convulsões incontroláveis) no vídeo para seu cover de Sweet Dreams do Eurythmics ele realmente assustou as pessoas. Associar o Manson com menininhas inocentes assustaria qualquer um.

“Thriller” (1983)

Michael Jackson
http://www.youtube.com/v/sOnqjkJTMaA?fs=1&hl=en_US

O leque que emoções invocadas pelo vídeo de Thriller deMichael Jackson é maior do que a de muitos longa-metragens – há comédia, incredulidade, e, claro, bons sustos. Ainda mais, os passos de thriller requerem grande habilidade, e estaríamos mentindo se dissessemos que nunca os imitamos antes. É o vídeo assustador do pop – e certamente um dos melhores.

“Come To Daddy” (1997)

Aphex Twin

Muitos vídeos já assustaram os telespectadores até hoje, mas nenhum deles foi tão horrícel como esse clipe do grupo britânico de técno Aphex Twin. Nós não temos certeza do que é mais ameaçador — os ritmos cortantes da faixa e os sons que permeiam, a gangue de crianças com rostos iguais e esquizofrênicos que aterroriza a cidade, ou o demônio digital barulhento nascido de uma TV analógica — mas tudo nessa obra de arte monstruosa (dirigida pelo gênio torto Chris cunningham) nos impediu de dormir com as luzes apagadas por anos.

“Bark at the Moon” (1983)

Ozzy Osbourne

Para o “Príncipe das Trevas” o vídeo de Bark at the Moon não é exatamente chocante. Ozzsy é um lobisomem, um cientista louco e um homem morto, mas talvez quem ele é na vida real — um louco, roqueiro tatuado que costumava morder a cabeça de morcegos — seja mais amedrontador do que os personagens que ele interpreta.

“If I Had A Heart” (2009)

Fever Ray

Os espectadores vão lutar para entender o que está acotneçesndo co vídeo de 2009 de FeverRay para If I Had a Heart, mas eles provavelmente ficaram assustados. Ecoando o sentimento fantasmagórico da música, o vídeo serve como um filme interpretativo que mostra um assassinato em massa de pessoas ricas por pessoas primitivas de uma tribo.

Apartir de agora, apenas nos melhores, em minha opinião, eu colocarei a descrição:

“Dragula” (1998)

Rob Zombie

A beleza do vídeo para Dragula de Rob Zombie, em que o antigo cantor do White Zombie está com uma maquiagem de zumbi e dirige um carro dos infernos, está em seus detalhes. O robô que dança muito mal atrás de Zombie, clipes de um palhaço feliz acompanhado por filmagens de uma bomba atômica explodindo, e a caveira humana no carro tornam o vídeo uma peça que necessita ser vista várias vezes.

“Prime Time Of Your Life” (2006)

Daft Punk

Uma garota com uma baixa-estima, com amente retorcida pela retratação da perfeição que a mídia faz, é a personagem do vídeo de 2006 do Daft Punk. O clipe tem uma mensagem importante para dar, e é o grupo de esqueletos e a imagem de carne sem pele que deixam as impressões mais duradouras.

“Sheena Is A Parasite” (2006)

The Horrors

Primeiramente parece que Sheena (Samantha Morton) apenas tem uma forma de dançar esquizita, mas as surpresas nojentas que ela tem em baixo de seu vestido bonito não são tão agradáveis. Contemple os 98 segundos mais malucos da história do Rock’n Roll britânico.

“Black Hole Sun” (1994)

Soundgarden

Uma utopia suburbana vai do cafona ao deturpado em um vídeo de 1994 do Sound Garden. O vídeo é assustador por causa dos assustadores “momentos-preciosos” e dos sorrisos enormes de todos os personagens mundanos. E então, donas de casa, velhinhas e criançinhas são literalmente sugados para um abismo escuro no centro de um céu flamejante.

About these ads

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: